top of page

Saiba como proteger as plantas da salinidade

Atualizado: 25 de mai. de 2023

Certas plantas podem ser mais sensíveis à salinidade do solo, como por exemplo a planta do morangueiro. Protegê-las dessa condição é imprescindível para evitar a morte das raízes e a perda da produção.


O desenvolvimento das raízes é crucial para atingir altas produtividades. O efeito osmótico causado pelo alto teor de sais na solução do solo obstrui a absorção de água pelas raízes, interferindo em seu crescimento e sanidade.




Morango em diferentes níveis de necrose (escurecimento) das raízes até a morte da

planta, devido à queima por excesso de sais.








Queima de borda das sépalas do morangueiro, devido ao excesso de sais minerais.





Solos de áreas irrigadas, fertirrigadas e recorrentes adubações são propensos à salinização. Para proteção das raízes, garantir o estabelecimento da lavoura e assim evitar perdas na produtividade, recomenda-se a utilização do RealBio no plantio, fertilizante especial farelado rico em fósforo e cálcio, que possui em sua composição a alga Lithothamnium, tendo o efeito bioestimulante no enraizamento.

A aplicação de Real-GOLD ou HydraHume, ácidos fúlvicos e húmicos, atenuam os efeitos da salinidade, pois promovem melhoria do ambiente radicular, aumento da tolerância à estresses, ativam microrganismos benéficos no solo e elevam o aproveitamento dos nutrientes aplicados.



Deste modo, o manejo com RealBio, Real-GOLD e HydraHume proporcionam pleno enraizamento, o que traz maior segurança, potencializa a nutrição da lavoura e resulta em plantas vigorosas e sadias.



TODAS AS DEMAIS PRÁTICAS AGRONÔMICAS RECOMENDADAS PARA OS CULTIVOS DEVEM SER OBSERVADAS, PARA SE BUSCAR O POTENCIAL PRODUTIVO DAS CULTURAS. CONSULTE SEMPRE UM ENGENHEIRO AGRÔNOMO.





Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page